1982

reluz-82
Remanso
1982
Play

Seja o primeiro a compartilhar este artigo

Água de prata, abre meus olhos e traz
Aquela luz que incendeia, clareia e desfaz
Em toda estrela, lágrima, voz e canção
A noite escreve o teu nome
O vento que vai, navega veloz
O meu pensamento rodeia, desata e vagueia
Invade as manhãs
Rio, represa, de tanta emoção
Raio da luz de um luar
Rio, remanso, na cor de um amor
Deságua em meu coração

Água de prata, abre meus olhos e traz
Aquela luz que incendeia, clareia e desfaz
Em todas estrela, lágrima, voz e canção
A noite escreve o teu nome
O vento que vai, navega veloz
O meu pensamento rodeia, desata e vagueia
Invade as manhãs
Rio, represa, de tanta emoção
Raio da luz de um luar
Rio, remanso, na cor de um amor
Deságua em meu coração

Aloysio Reis/Humberto de Rezende

DISCO DESTA MÚSICA

Se Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
0
Adoraria saber seus pensamentos, por favor, comente.x
()
x